Café Jamaica Blue Mountain – Hayman

 Vamos falar sobre o café da Jamaica, mais especificamente da região Blue Mountain.

Talvez você não saiba, mas o café da região de Blue Mountain na Jamaica é um dos cafés mais caros do mundo, estando entre os mais apreciados e bem comercializados do mundo.

sunset-410133_1280

Uma curiosidade histórica: no passado o café da Jamaica era vendido em tonéis de madeira e tinha como principal comprador o Japão.

A região de Blue Mountain fica na parte leste da Jamaica, entre Portland e Saint Thomas.

nepal-2183717_1280

Eis que tenho em minhas mãos cápsulas de café torrado da Jamaica da região de Blue Montain. São cápsulas da torrefação inglesa Hayman.

A Hayman trabalha com cafés especiais (conforme informações no site deles). A definição de café especial é criteriosa e está embasada em diversos parâmetros concretos, diferente das demais classificações que normalmente são manobradas pelo marketing como “café gourmet” ou “café premium” ou ainda “café superior”. Vamos ver como vai ser.

IMG_5702

Primeiramente notei a elegância e a aparência da embalagem. A caixinha é charmosa, lembra uma caixinha de joia. Dentro da caixa, as cápsulas vieram envolvidas por uma embalagem fechada e protegida por algum tipo de gás, o que chamou minha atenção, pois normalmente os fabricantes de cápsulas não se importam com interferências externas. (Seria o gás CO2 liberado pós-torra?)

IMG_5709

A primeira preocupação que me vem à cabeça é com a data da torra, pois as cápsulas normalmente são produzidas em níveis industriais e acaba sendo impossível tomar cafés com torras recentes. Confesso que fiquei feliz quando li à respeito da maneira como a Hayman prepara suas cápsulas. Eles só torram o café quando você faz o pedido de compra das cápsulas, ou seja, a torra recente é garantida por eles.

IMG_5698

Junto com as cápsulas tem um cartão com “Tasting Notes”, achei divertido e curioso porque neste cartão além da descrição do café como: altitude, flavor, aroma, tem também uma breve descrição do produto, relatando inclusive a preocupação com a torra recente.

IMG_5701

No caso das cápsulas, onde as manobras de aromas e sabores são bem mais restritas do que no cupping, eu achei interessante a maneira de trabalhar da torrefadora Hayman, porque a proposta de tentar reproduzir a melhor qualidade possível dentro da cápsula é um desafio. O público consumidor de cápsulas é um público cada vez mais exigente e proporcionar melhorias na cápsula é um diferencial. A vantagem da cápsula neste caso é a anulação de interferências externas que alterariam algumas características na hora da extração caso esta seja mal feita.

Minha opinião:

Inicialmente selecionei algumas cápsulas para efeito de comparação, preparei 4 doses sendo uma delas o café da Jamaica – Hayman.

IMG_5713

Provando encontrei um café leve, herbal, notas de chá de erva cidreira. Notas de carambola, acerola ou alguma fruta pouco doce e mais ácida. Em um segundo plano notei flavor de madeira úmida, talvez se justifique pelos barris de madeira em que são transportados os frutos, nota-se café de áreas úmidas. Acidez média-alta e agradável, corpo médio, crema discreta, refrescante. A textura aveludada é bem marcante. Retrogosto longo e persistente. No final encontrei notas de avelã. Um café leve, agradável e desinibido. Suave e delicado.

IMG_5717

Abrindo o saquinho transparente que envolvia as cápsulas, o aroma foi encantador e muito presente, afirmando a possibilidade da torra ser realmente recente. No entanto, confesso que senti poucos aromas voláteis durante a degustação do espresso (é o que esperamos quando temos torra recente), talvez tenham outras variáveis que intimidaram os aromas voláteis.

Aos interessados, segue o link para acesso ao site da Hayman Coffee, ou clique aqui: Jamaica Blue Mountain

https://www.haymancoffee.com/products/jamaican-blue-mountain-coffee

Observações:

  • Post não patrocinado;
  • Demorei cerca de 10 dias para provar o café desde que recebi, o que pode ter afetado as análises de torra recente (motivos de saúde pessoal não provei antes);
  • Opinião sincera,  você não gostaria de ler algo forjado e eu não tenho este caráter;
  • Cápsulas enviadas pelo fabricante;
  • Post sem fins lucrativos, post de divulgação de cultura do café;

Bibliografia utilizada para pesquisa e comparação:

  • STEPHENSON, T.; The Curious Barista’s Guide to Coffee, 2015;
  • MOLDAVER, A.; Das Kaffee-Buch, 2014;
  • HOFFMANN, J.; The World Atlas of Coffee, 2014;

img_5703.jpg

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s